Pacific Sound - Ceremony for a dead (1972)

Masquerade, 1941.

______________________________

Aram Khachaturian (1903 - 1978)

Liset Alea - Por que te vas (2012)

Nude, 1965. 
_____________
Ralph Goings.

Nude, 1965.

_____________

Ralph Goings.

Fuga do mundo (1902)Vou-me embora pra lá de além,De volta a mim,Jacinto em flor terçãNo temporão de minha alma,Quiçá já tarde — tarde demais!Ah, vou morrendo entre vocês,Que me sufocam com vocês!Lios queria que me atassem —Num vira e mexe que findasse!Desconcertante,Equívoco por um instante,Para que enfim eu escapasseNo rumo de mim.
Else Lasker-Schüler (1869 - 1945)
________________________________
image:
Le Passage, 1956.
Kay Sage (1898 - 1963)

Fuga do mundo (1902)

Vou-me embora pra lá de além,
De volta a mim,
Jacinto em flor terçã
No temporão de minha alma,
Quiçá já tarde — tarde demais!
Ah, vou morrendo entre vocês,
Que me sufocam com vocês!
Lios queria que me atassem —
Num vira e mexe que findasse!
Desconcertante,
Equívoco por um instante,
Para que enfim eu escapasse
No rumo de mim.

Else Lasker-Schüler (1869 - 1945)

________________________________

image:

Le Passage, 1956.

Kay Sage (1898 - 1963)

La Cible, 1970.
_________________________
Evelyne Axell (1935 – 1972)

La Cible, 1970.

_________________________

Evelyne Axell (1935 – 1972)

O internauta surtado

- Era tão ruim que eu tive que “curtir” - ele endoidou de vez, e ainda continuou - A partir de hoje o “curtir” é o novo “não curtir”!

Palavras ditas após pensar que por trás do computador existe uma pessoa, e que aquilo que está sendo postado pressupõe uma intenção. Pedintes de reconhecimento e buscando aceitação social, vaidoso e carentes da certeza de que seguem o caminho correto, a intenção é a aprovação. 

E continuou - Você está aprovado, meu filho! Mas, por favor, não tire mais foto com o seu rosto na frente, aquilo que é literal e repetitivo enjoam qualquer um. 

Depois do surto, Y., silenciosamente suicidou o seu perfil e seguiu uma vida livre das redes sociais. 

M.R.
____________________________________________________________
Imagem: The thinker - Michael Sowa.

O internauta surtado

- Era tão ruim que eu tive que “curtir” - ele endoidou de vez, e ainda continuou - A partir de hoje o “curtir” é o novo “não curtir”!

Palavras ditas após pensar que por trás do computador existe uma pessoa, e que aquilo que está sendo postado pressupõe uma intenção. Pedintes de reconhecimento e buscando aceitação social, vaidoso e carentes da certeza de que seguem o caminho correto, a intenção é a aprovação. 

E continuou - Você está aprovado, meu filho! Mas, por favor, não tire mais foto com o seu rosto na frente, aquilo que é literal e repetitivo enjoam qualquer um. 

Depois do surto, Y., silenciosamente suicidou o seu perfil e seguiu uma vida livre das redes sociais. 


M.R.

____________________________________________________________

Imagem: The thinker - Michael Sowa.

virei a primeira a esquerda e te esqueci. 
________________________________________________
No, You Don’t Remember, 1975.  Viktor Pivovarov.

virei a primeira a esquerda e te esqueci. 

________________________________________________

No, You Don’t Remember, 1975.
Viktor Pivovarov.

Evelyn McHale (1924 - 1947) 

Evelyn McHale (1924 - 1947) 

"Eu comecei a refletir, minha reflexão é reflexão sobre um irrefletido, ela não pode ignorar-se a si mesma como acontecimento, logo ela se manifesta como uma verdadeira criação, como uma mudança de estrutura da consciência, e cabe-lhe reconhecer, para aquém de suas próprias operações, o mundo que é dado ao sujeito, porque o sujeito é dado a si mesmo." Merleau-Ponty, Fenomenologia da Percepção, 1945.  

"Eu comecei a refletir, minha reflexão é reflexão sobre um irrefletido, ela não pode ignorar-se a si mesma como acontecimento, logo ela se manifesta como uma verdadeira criação, como uma mudança de estrutura da consciência, e cabe-lhe reconhecer, para aquém de suas próprias operações, o mundo que é dado ao sujeito, porque o sujeito é dado a si mesmo." Merleau-Ponty, Fenomenologia da Percepção, 1945.  

Fome x Amor
Vida x Morte 
Mudança x Permanência
______________________________________________
Fotografia de Elis Regina (1945-1982) e Tom Jobim (1927-1994). 

Fome x Amor

Vida x Morte 

Mudança x Permanência

______________________________________________

Fotografia de Elis Regina (1945-1982) e Tom Jobim (1927-1994). 


“O Ser é o que exige de nós criação para que dele tenhamos experiência.” 
_____________________________________________________
O visível e o invisível (1964 - obra póstuma).
Merleau-Ponty (1908-1961).

“O Ser é o que exige de nós criação para que dele tenhamos experiência.” 

_____________________________________________________

O visível e o invisível (1964 - obra póstuma).

Merleau-Ponty (1908-1961).

Eu sonhei que ele tinha morrido. 
O sonho é uma imagem transformada da realidade, da mesma maneira que a realidade é uma imagem transformada do sonho. A imagem tanto lá, quanto aqui, gera sentimento. 
Eu chorava incessantemente. Me escorava nas paredes, tentando segurar tanto aperto. A morte é literalmente o irremediável. E lá, eu tinha perdido ele para sempre. 
Acordei com uma lágrima escorrendo dos olhos. 
Levantei. Fui fazer xixi. 
Numa das cenas mais cotidianas e simples de todas. Ainda com os olhos meio molhados. Eu me lembrei-morrerei antes.
Por uma noite, acabei tomando o sentimento que lhe pertencerá. 
_________________________________________________
Retrato de Chico Buarque e Nara Leão. 

Eu sonhei que ele tinha morrido. 

O sonho é uma imagem transformada da realidade, da mesma maneira que a realidade é uma imagem transformada do sonho. A imagem tanto lá, quanto aqui, gera sentimento. 

Eu chorava incessantemente. Me escorava nas paredes, tentando segurar tanto aperto. A morte é literalmente o irremediável. E lá, eu tinha perdido ele para sempre. 

Acordei com uma lágrima escorrendo dos olhos. 

Levantei. Fui fazer xixi. 

Numa das cenas mais cotidianas e simples de todas. Ainda com os olhos meio molhados. Eu me lembrei-morrerei antes.

Por uma noite, acabei tomando o sentimento que lhe pertencerá. 

_________________________________________________

Retrato de Chico Buarque e Nara Leão. 

Do verde para o azul. 

Do verde para o azul. 

CAETANO VELOSO 
________________________________________________
_It’s a Long Way (1972) - http://youtu.be/PnZu9GGFw8k
_Asa Branca (1972) - http://www.youtube.com/watch?v=Oh-i7oir72w
_Não Enche - http://www.youtube.com/watch?v=X6Q9L4FsfJ4
_Sampa (1978) - http://www.youtube.com/watch?v=i0KRUGGajto
_Alegria, Alegria (1967) - http://www.youtube.com/watch?feature=endscreen&NR=1&v=4tzSETbQcJk 

CAETANO VELOSO 

________________________________________________

_It’s a Long Way (1972) - http://youtu.be/PnZu9GGFw8k

_Asa Branca (1972) - http://www.youtube.com/watch?v=Oh-i7oir72w

_Não Enche - http://www.youtube.com/watch?v=X6Q9L4FsfJ4

_Sampa (1978) - http://www.youtube.com/watch?v=i0KRUGGajto

_Alegria, Alegria (1967) - http://www.youtube.com/watch?feature=endscreen&NR=1&v=4tzSETbQcJk 

  archive